Como falar com uma menina em mídias sociais, pela primeira vez

Como Escrever uma Carta de Amor. A comunicação atual é baseada em mídias sociais, mensagens e e-mails. Uma carta de amor escrita à mão como nos velhos tempos é um presente especial e único, uma lembrança que pode ser guardada, relida e... Em 2015, Heloisa Buarque de Hollanda tinha 75 anos e acreditava que sua geração teria sido, talvez, a última empenhada na luta das mulheres. No entanto, ela se surpreendeu quando viu uma nova ... Como era o mundo quando 'Tieta' passou na TV pela primeira vez Com a covid-19, o espaço tornou-se um recurso escasso, como era o tempo Uma receita de vinho quente e outra de quentão pra fazer no ... Afinal, em tempos de redes sociais, nada mais natural que publicar uma foto com seu amor dizendo para quem quiser ouvir que o amor é lindo! Não importa se a pessoa é famosa ou anônima, ontem foi o dia de dizer “eu te amo” e alguns casais aproveitaram para se declarar pela primeira vez. Olá , meus caros leitores Estamos aqui nessa segunda feira , vamos lhe trazer mais uma resenha de documentário ,' Lute como uma menina ' de Flávio Colombini e Beatriz Alonso que fala da presença feminina nas ocupações de 2015 contra a reorganização escolar de 2015 , dando lhe a voz para explicar a tua experiências aprendidas e situações que passaram neste período . Como Pegar uma Garota. Muitos homens sabem conquistar mulheres, mas nem todos sabem explicar como conseguem essa façanha. Se você tem problemas do tipo, não se preocupe: leia as dicas deste artigo para entender os princípios básicos desse... Como exemplo, ele menciona uma mãe solteira que visitou a igreja pela primeira vez e postou um agradecimento pelo sermão no Facebook na segunda-feira seguinte. “Pastor Mark respondeu a ela, dizendo: ‘Por favor, procure a mim ou outro de nossos pastores da próxima vez que vier, assim poderemos nos conhecer melhor'”, lembra Bogardus. 27/nov/2019 - Explore a pasta 'Careca de Saber' de Francisco Nascimento no Pinterest. Veja mais ideias sobre Careca de saber, Podcast, Mídias sociais. Uma pesquisa feita pela University College London (UCL) com 11 mil adolescentes do Reino Unido confirmou que as meninas são as que mais utilizam as redes sociais. 40% das entrevistadas declarou ... A maioria dos homens não sabe como abordar uma garota corretamente. O fato é que muitos caras ficam nervosos com o pensamento de se aproximar de uma garota. Seja para obter o número dela, buscá-la ou até mesmo conhecê-la – a maioria dos homens acha difícil superar esse primeiro passo essencial.. Se você é jovem ou não, nossas diretrizes ajudarão você a abordar as mulheres sem ...

Jovem stalker apaixonado platonicamente há 4 anos por uma garota clama por ajuda

2020.02.10 18:27 Zarvinus Jovem stalker apaixonado platonicamente há 4 anos por uma garota clama por ajuda

Olá sub, resolvi postar isso aqui porque eu nunca contei isso para ninguém e acho que seria bom me abrir um pouco, mesmo que para estranhos :) (tem tl;dr no final)
Tudo começou em 2016, era metade do ano, quando chegou uma menina nova na escola que eu acabei conhecendo na fila do lanche e que me deu um sorrisinho, ela era muito linda em todos os aspectos e eu até pensei comigo mesmo: ''será que eu vou conseguir namorar alguém assim algum dia?''. Enfim, com o passar dos meses, eu, como um bom Dom Juan, não fiz nada. A moça citada claramente demonstrava algum interesse por mim, sempre ficava me olhando e mordendo a boca quando me via e eu só demonstrava desinteresse por covardia mesmo. O ano estava acabando, eu consegui mandar um ''oi'' para ela no último dia de aula e depois disso eu nunca mais a encontrei pessoalmente, já que ela foi fazer faculdade e eu estava começando o EM.
A história poderia ter acabado aí, mais um romance adolescente que não deu em nada, mas o edgelord solitário aqui ficou tão feliz por ter recebido atenção da garota mais linda do colégio (pior que não é exagero, todo mundo era maluco por ela e até hoje é assim) que ele não podia simplesmente dar um ponto final no processo.
Eu encontrei os perfis dela nas redes sociais, que vai do Facebook até algumas mídias sociais mais obscuras do início da década que ninguém usa ou conhece. Fiquei monitorando a vida dela por tempão e posso afirmar que eu posso até escrever uma biografia falando sobre os principais pontos que ela viveu.
Em 2017, ela arranjou um namorado e eu acabei ficando bem abalado com aquilo porque eu acreditava que ainda era possível ficar com ela (como? eu não sei, só o eu daquela época sabe agora), fucei o Face do cara ao mesmo tempo que eu olhava para o do dela, sei quase tudo sobre a vida e circulo sociais dos dois (vocês sabem como o pessoal gosta de compartilhar as coisas pelas redes), eles viviam mandando posts que estavam relacionados com o momento que eles se encontravam no público mesmo, então ficava bem fácil deduzir o que se passava no relacionamento do casal mencionado. Isso foi até metade de 2018, os dois terminaram e eu senti um misto de emoções, eu fiquei um pouco feliz por aquilo ter acontecido, mas triste por saber que eu perdia tempo stalkeando e desejando fim de uma relação de pessoas que eu nem conhecia direito.
Pouco tempo depois ela achou outra pessoa (tive o mesmo abalo de 2017), esse durou bem pouco, uns dois meses mais ou menos, e foi o mesmo procedimento do outro sujeito de cima, só que nesse caso os dois eram mais conectados pelo Twitter.
O reveillon estava chegando e eu estava passando as minhas maravilhosas férias dentro de casa perdendo tempo na internet e, como de costume, trabalhando incessantemente no estudo da vida alheia no que se refere, principalmente, na minha jovem donzela, até o momento em que olhando os stories da moça e percebi que ela estava com um namorado novo (choque de 2017, o retorno), ela postou imagens e gifs mostrando as viagens deles. Passou-se um tempo, a minha rotina de stalker continuava a mesma e a dela de compartilhar os detalhes da sua vida também. Entretanto, eu iniciei o abandono desse costume nessa época. Já teve momentos em que eu tentei escapar disso, mas era muito difícil porque era quase como drogas, tendo crise de abstinência e tudo mais. Só que o senhor aqui já estava ficando de saco cheio desse troço, e acabei notando que isso estava caminhando para outro patamar, porque teve minutos que eu olhava para uma dobra no tecido da cortina ou observava os desenhos de um azulejo e via o rosto dela (esquizofrenia intensified).
Hoje em dia eu já diminui esses problemas, tanto as minha vigias diária tanto as minhas ''alucinações'', mas ainda me pego vendo as coisas dela ficando mal por causa disso. Não estou pedindo exatamente por dicas ou ajudas (o título foi meio clickbait mesmo), só que se você tiver alguma pode mandar aí embaixo. Acho que a melhor ajuda que algum indivíduo pode me dar deve vir de mim mesmo. Ora, fui eu que tive a determinação para ficar seguindo os outros, mas que não teve o suficiente para chegar em alguém e dizer um simples: ''olá, qual é o seu nome, quer sair para lanchar''. Admitir os próprios erros é uma maneira de sair do buraco e, como eu falei logo no começo do texto, essas informações nunca saíram de dentro de mim. Alias, se alguém tiver alguma história parecida pode nos informar também, aqui todo mundo é anônimo mesmo.
Só para fechar (juro que está acabando), teve uma vez que foi o maior sinal que esse relacionamento que sempre quis ter com ela nunca ia acontecer de fato. Um pouco depois dela ter terminado com o primeiro namorado dela e antes do segundo chegar (meados de 2018), eu resolvi mandar algumas mensagens para ela e tentar alguma coisa. Ela não reconheceu de primeira, mesmo eu contando tudo o que se passou na escola, ela não conseguia se lembrar. O estalo na memória só aconteceu quando eu mandei uma foto minha (sim, eu fiz besteira) para ela, que mandou mensagens bem simpáticas dizendo que me reconheceu e que ficou feliz em me rever. Fiquei bem alegre e já imaginei milhares de situações onde nós ficávamos juntos, íamos ao shopping, passaríamos um tempo agarrados na cama e mais algumas fantasias de nerd fracassado. Aconteceu que falei para ela que eu também estava feliz, e disse que vi o curso que ela resolveu fazer nos status do Face e questionei sobre o que ele fazia, mas adivinha só? eu fiquei esperando ela responder, e só depois de um mês que eu admiti que ela nunca mais ia responder mesmo.
tl;dr: É o que o titulo diz, fique monitorando a vida de uma menina que vi no ensino médio por quatro anos e só estou admitindo isso melhor agora.
ps.: não sei se alguém vai falar isso, mas isso não é fanfic.
submitted by Zarvinus to desabafos [link] [comments]


2016.07.06 08:32 dacspike Os "Feminismos"

Olá pessoal, vi alguns tópicos sobre feminismo, e percebo que invariavelmente as discussões esquentam por eu achar que pessoas estão falando de coisas diferentes. Segue meu texto:
A definição do dicionário de Feminismo é
  1. doutrina que preconiza o aprimoramento e a ampliação do papel e dos direitos das mulheres na sociedade.
  2. movimento que milita neste sentido.
  3. teoria que sustenta a igualdade política, social e econômica de ambos os sexos.
Como o dicionário é descritivo e não prescritivo, ele registra como pessoas usam a palavra, e não proíbe que a palavra ganhe novas definições.
O movimento chamado Feminismo pode ser dividido em 3 ondas: A primeira, da virada do século XIX pro XX, das sufragistas, que queriam o direito de voto, propriedade privada e autonomia em contratos. A segunda onda, dos anos 60, foi sobre igualdade no mercado de trabalho, liberdade sexual e reprodutiva. Já a terceira onda, iniciada nos anos 90, é a mais difícil de definir, já que tem várias correntes. Atualmente, uma corrente dominante é a do feminismo interseccional. Volto nele mais tarde.
Outra coisa a qual se dá o nome de Feminismo é a chamada teoria Feminista, de autoras como Simone de Beauvoir, Judith Butler, Andrea Dworkin e Germaine Greer. Envolve conceitos como a Teoria de Gênero, resumida na frase de Beauvoir "Ninguém nasce mulher: torna-se mulher", que diz que homem e mulher são construções sociais e não naturais (contrariando evidência científica 1234); Patriarcado, que diz que a sociedade foi organizada por homens e os beneficia injustamente; Heteronormatividade, que diz que heterossexualidade não é normal e sim imposta pela sociedade; entre outros.
O Feminismo interseccional, melhor exemplificado na frase da feminista Bell Hooks: “Nós temos constantemente que criticar a cultura patriarcal imperialista supremacista branca porque ela é normalizada pela mídia de massa e transformada em não-problemática.” é a corrente dominante atualmente. Essa corrente do Feminismo diz que homens brancos heteros cis dominam a sociedade através do patriarcado, e uma vez que não há diferenças biológicas entre homens e mulheres, qualquer desigualdade ou problema que seja desvantajoso a mulheres é necessariamente preconceito/opressão.
O fato de TUDO ISSO junto poder ser chamado de feminismo é, na minha opinião, o que causa essa desconexão entre feministas e anti-feministas. A maioria das feministas (que são as sabem do feminismo apenas superficialmente) acreditam que feminismo é a luta por igualdade. Elas vêem algo como a diferença de salários entre homens e mulheres (que simplesmente é média simples de todos os salários de todos so homens e mulheres, e discriminação faz um efeito negligível), ou que hajam mais homens no congresso (mesmo com mulheres sendo mais da metade dos eleitores e tendo escolhido colocá-los lá, poucas mulheres se candidatam) ou a quantidade de estupros no Brasil (um dos países mais violentos do mundo) e imediatamente acham que isso é culpa do patriarcado. Qualquer oposição ao feminismo vai parecer como oposição aos direitos das mulheres, como se anti-feministas quisessem tirar os direitos que as 2 primeiras ondas do feminismo conseguiram.
Muitas dessas pessoas nunca leram teoria feminista mesmo. As que leram, que são as que mais tem voz, como Jessica Valenti, Anita Sarkeesian e incontáveis outras nas redes sociais, essas sim são as radicais, já que teoria feminista contém pérolas como a frase de Sally Miller Gearhart: “A proporção de homens deve ser reduzida e mantida a aproximadamente 10% da humanidade.”, de Andrea Dworkin: "Relação sexual é a expressão formal, pura e estéril do desprezo dos homens pelas mulheres." e de Beauvoir: "Enquanto a família e o mito da família e o mito da maternidade e do instinto materno não forem destruídos, as mulheres ainda serão oprimidas.". Embora sejam minoria (creio) são as que tem as maiores plataformas e vozes e são as líderes do movimento de fato. São estas que se preocupam em exigir que mulheres recebam mais que homens, mandar prender quem discorda delas, falar que Aquecimento Global é machista, renomear furacões, censurar palavras, livros, penteados, cartazes, revistas em quadrinhos, camisas, pornografia, video games, formas de sentar, pôsteres de filme e palestras de feministas consideradas hereges. Quando as feministas moderadas se deparam com estes absurdos, elas têm 2 opções: Dizer que nem todas feministas são assim, ou dizer que essas não são feministas de verdade.
Enquanto isso, os anti-feministas só vêem esses abusos mencionados, percebem que existem diversas situações em que mulheres são beneficiadas (homens são 91,4% das vítimas de homicídio, mais de 80% dos sem-teto, penas de prisão 63% maiores que de mulheres pelos mesmos crimes, 5 anos a mais de trabalho, 8 anos a menos de vida, o câncer de próstata atinge metade dos homens e o de mama só 12% das mulheres, mas o câncer de mama recebe 4 vezes a verba, quase o dobro de homens se suicida com relação a mulheres, têm chance maior de abandonar a escola mais cedo, são 96% das mortes de acidentes de trabalho, têm tendência maior a serem diagnosticados com TDAH, primariamente por causa do sistema de ensino voltado exclusivamente para meninas, homens não têm delegacia própria, proteção legal contra violência doméstica mesmo quando são a maioria das mortes fatais e mulheres iniciam 70% dos casos de violência doméstica, homens são acusados de serem estupradores em potencial, são ensinados que masculinidade é tóxica, etc.). Eles vêem feminismo como sendo um movimento anti-homem.
Eu acho que seria mais vantajoso as mulheres feministas não radicais abandonarem o termo feminismo em troca do igualitarismo, como sugere a feminista Christina Hoff Sommers (playlist recomendadíssima). Desta forma, continuam a luta contra desigualdades mas se distanciariam da loucura e não ficariam brigando à toa defendendo uma coisa enquanto seus opositores atacam outra.
EDIT: Estou disposto a mudar de opinião, se discordarem de algum ponto ou acharem que falei algo incorreto, fiquem a vontade para refutar. Gosto de ouvir todos os lados.
submitted by dacspike to brasil [link] [comments]


Marcelo Correia - Pai de Menina FALEI COM O BTS PELO TELEFONE! - BTS WORLD APRENDA a iniciar conversa no Facebook/whatsapp. Como Fazer Ela Pensar em Você sem Parar CONSTRANGENDO PESSOAS no Omegle: Trollagens, Zueiras e Bullying. (Português-BR) Como tocar violão pela primeira vez - YouTube 5 Lições Para Começar Um Canal no YOUTUBE Primeira Mão  12/02/2020

10+ Melhores Ideias de Careca de Saber careca de saber ...

  1. Marcelo Correia - Pai de Menina
  2. FALEI COM O BTS PELO TELEFONE! - BTS WORLD
  3. APRENDA a iniciar conversa no Facebook/whatsapp.
  4. Como Fazer Ela Pensar em Você sem Parar
  5. CONSTRANGENDO PESSOAS no Omegle: Trollagens, Zueiras e Bullying. (Português-BR)
  6. Como tocar violão pela primeira vez - YouTube
  7. 5 Lições Para Começar Um Canal no YOUTUBE
  8. Primeira Mão 12/02/2020

se achou bom, por favor, divulgue, favorite, clique em gostei, comente e se inscreva, pois ajuda bastante! Aceito críticas construtivas, dicas para os próximos videos, sugestões, etc. Abraços. E pela primeira vez, um ator com sindorme de down entregou uma das estatuetas. Acompanhe nossas mídias sociais: Instagram: tvines.oficial, facebook: @tvines.oficial, twitter: @tvinesoficial e no ... Esta canção é para todos papais e mamães, de meninos e meninas, que foram transformados pela chegada de uma criança em suas vidas. Letra: Sou formado em ogrostronomia Como Fazer Ela Pensar em Você sem Parar ... Isso Deixa a Menina Desesperada por Você - Duration: 2:42. Manual do Homem 126,342 views. 2:42. Como Conquistar uma Mulher sem Falar Nada ... 》》MAIS INFORMAÇÕES SOBRE MEU CURSO, FALAR COMIGO NO EMAIL OU WHATSAPP! Se inscrevam no canal e ativam o sininho :D Me siga nas redes sociais 》Facebook: https... Aula gratuita: https://cursodeviolaoemcasa.com/video-aula-gratuita/ Curso: https://cursodeviolaoemcasa.com/ Contato: (47) 9 8476-4520 Instagram: https://www.... QUER SER UM YOUTUBER? ASSISTE AQUI! MINHA LOJA: WWW.BLOGSTORE.COM.BR REDES SOCIAIS: Snapchat- lelececato Instagram- @leticiacecato blog - www.modaerotina.com... Redes Sociais 📷 Instagram: ... JOGANDO BTS WORLD PELA PRIMEIRA VEZ: Sou uma sasaeng?? - Duration: 16:40. ... BTS NO BRASIL EM 2020?! - Duration: 7:49.